Quanto ganha um enfermeiro nos EUA

Custos de todas as etapas do processo

Recebemos diariamente inúmeras dúvidas de clientes quanto ao custo total do processo, desde a validação do diploma até o processo migratório. Com isso, criamos esse artigo para listar pra vocês, de forma detalhada, todos os custos do processo divididos por etapa.

Lembrando que os valores abaixos poderão estar em Reais (R$) ou em Dólares (USD$) e não estão inclusos os valores de nossas Assessorias. Para saber mais sobre as Assessorias da BNA, clique aqui.

Validação do Diploma

Tradução Juramentada: R$ 450,00 (Aproximadamente)

Taxa Josef Silny: USD$ 400,00

Taxa CGFNS: USD$450,00
Se for CGFNS, custo dos correios (DHL ou EMS) para envio dos documentos: R$ 400,00 (Sendo R$ 200,00 para cada documento: Faculdade e COREN)

Qual a diferença entre o CGFNS e a Josef Silny?

Clique aqui e veja a diferença entre as duas empresas.

Board of Nursing / NCLEX

Aplicação no Board of Nursing: USD$ 100,00 a USD$ 180,00 (Depende do Board of Nursing)

Fingerprints: USD$30,00 a USD$75,00 (Depende do Board of Nursing)

Envio Fingerprints Correios: R$ 200,00 (Envio via DHL ou EMS)

Prova do NCLEX: USD$ 200,00 (Para quem faz nos EUA) ou USD$350,00 (Para quem faz FORA dos EUA)

Proficiência do Inglês

IETLS: R$ 1250,00

TOEFL: USD$ 250,00

TOIEC: R$ 1000,00

OET: AUD$587 (Dólares australianos)

Visa Screen / Visa4Nurses

Visa Screen (CGFNS): USD$ 700,00

Visa4Nurses (Josef Silny): USD$ 585 (Incluindo o custo do Envio)

Endorsement

Aplicação no Board of Nursing: USD$ 100,00 a USD$ 180,00 (Depende do Board of Nursing)

Fingerprints: USD$30,00 a USD$75,00 (Depende do Board of Nursing)

Processo Migratório

Se você pretende vir com base em um sponsor (empregador), para aplicação do visto EB3, os custos podem variar de sponsor para sponsor. Geralmente o sponsor paga o advogado de imigração para toda a família e também paga as taxas do processo migratório apenas para o aplicante principal. Caso você pretenda vir com algum dependente (Cônjuge e Filhos solteiros menores de 21 anos), os custos de cada dependente não serão pagos pelo empregador.

Advogado de Imigração: Pago pelo empregador (Custo único para toda a família)

I-140: Pago pelo empregador (Custo único para toda a família)

Premium Processing: USD$ 2500,00 (Alguns empregadores pagam)

DS-260: USD$ 345,00 (Por dependente)

Taxa Green Card: USD$ 220,00 (Por dependente)

Exames médicos: R$ 1800,00 (Por dependente)

Demais despesas que você precisa considerar

Investimentos com cursos e materiais de estudos de NCLEX e inglês;

Passagem aérea e hotéis para realizar as provas NCLEX e Inglês;

Demais tentativas das provas de Inglês e NCLEX;

Você não precisa ter 100% dos valores em mãos para iniciar o processo. Como o processo é feito por etapas e pode levar de 1 ano a 2 anos, você também terá um gasto de forma “parcelada”.

Todos os valores informados nesse post são referentes às taxas e despesas que você terá no seu processo. Como pode observar, o custo é variável e depende muito de qual empresa de validação você vai fazer, qual prova do inglês vai fazer, quantas pessoas na família para o processo, qual sponsor escolher e tudo mais. Praticamente todos os valores das taxas e depesas não existe possibilidade de parcelamento, com isso um planejamento financeiro é importante para que você consiga concluir todo o processo de forma que não afete a sua saúde financeira e de sua família.

Se você deseja iniciar o seu processo de validação do diploma e gostaria de contar com ajuda da maior empresa de validação do diploma de enfermagem, clique aqui e saiba mais sobre nossas Assessorias e como nós podemos te ajudar.

#BNA a melhor e maior empresa de validação do diploma de Enfermeiros!

Qual a diferença entre o CGFNS e Josef Silny

Qual a diferença entre CGFNS e Josef Silny?

As empresas CGFNS e Josef Silny são as maiores empresas de validação do diploma de enfermeiros internacionais, e são as duas empresas que a BNA hoje presta assessoria no processo de validação do diploma. Pra quem vai iniciar o processo de validação do diploma de enfermagem nos Estados Unidos, com certeza deverá utilizar uma dessas duas empresas para fazer o processo.

Recebemos com bastante frequência os seguintes questionamentos: Qual é a melhor? Qual a diferença entre as duas empresas? Como escolher?

Nesse artigo, vamos fazer um comparativo das duas empresas e explicar como escolher a melhor empresa com base no seu perfil.

Aplicação e Envio de documentos

CGFNS: A aplicação é feita diretamente no site do CGFNS e o envio dos documentos da Faculdade e COREN são feitas por correios.

Josef Silny: A aplicação é feita via formulário enviado diretamente para a Josef Silny e o envio dos documentos da Faculdade e COREN são feitas por e-mail.

Custo da aplicação

CGFNS: Custo da aplicação da CES é de $485 (dólares).

Josef Silny: Custo da aplicação do Report of Evaluation é de $400 (dólares).

Tempo de processamento

CGFNS: Aproximadamente 5 – 7 meses.

Josef Silny: Aproximadamente 2-3 meses.

Aceitação nos Estados Americanos

CGFNS: Aceita em 100% dos Estados Americanos.

Josef Silny: Aceita em 27 Estados Americanos: Alabama, Arizona, Arkansas, California (vocational nursing only), Colorado, District of Columbia, Florida, Hawaii, Idaho, Illinois, Kentucky, Louisiana, Michigan, Missouri, Montana, Nebraska, Nevada, New Hampshire, New Mexico, North Dakota, Oregon, Pennsylvania, Puerto Rico, South Carolina, Texas, Utah, Virginia, Washington, Wyoming.
(Dados atualizados em 1 de Junho de 2023)

Tipos de problemas que podem ocorrer

CGFNS: Extravio de documentos / Demora na análise / Validação da Assinatura da Faculdade / Não aceitarem envelopes sem carimbo ou selo.

Josef Silny: Demora na análise

Conclusão

Ambas empresas realizam os mesmos trabalhos de equivalência de documentos, mas cada uma tem as suas particularidades. A escolha da empresa de validação do diploma vai depender do estado que você pretende morar e trabalhar. Se você já mora nos EUA e está em um estado que não aceita a Josef Silny, o recomendado é que você faça o processo pelo CGFNS. Se você não mora nos EUA ainda, não sabe onde vai morar e pretende vir com um sponsor, recomendamos fazer pela Josef Silny e já garantir a validação do diploma e ser coberto pelos estados que ela é aceita.

O tempo e a burocracia do processo também é algo a ser analisado, já que ambas tem o tempo e as formas de envio de documentação bastante diferentes.

Nada impede que você inicie o processo pela Josef Silny e futuramente faça o processo pelo CGFNS, caso necessite mudar para um estado que exija um documento do CGFNS. Nesse caso, você não precisará refazer todo o processo até o NCLEX.

Tudo é questão de planejamento e a BNA te ajuda a definir a melhor escolha com base no seu perfil. Clique aqui e agende uma Consulta com o nosso especialista caso tenha alguma dúvida.

Quanto ganha um enfermeiro nos EUA

Qual A Média Salarial Do Enfermeiro Nos Estados Unidos

Já pensou em ser enfermeiro ou enfermeira nos EUA? Pois bem, este é um dos assuntos que vem sendo muito buscado nos sites de pesquisa, principalmente sobre a média salarial do enfermeiro nos Estados Unidos.

Não é segredo para ninguém que a qualidade de vida dos EUA é melhor do que no Brasil de modo geral, principalmente quando estamos falando de profissionais capacitados e habilitados.

A área de enfermagem tem crescido muito, ainda mais pelas condições criadas pela pandemia do Covid-19. Estes profissionais estão sendo cada vez mais valorizados. Quer saber quanto você poderia ganhar?

Média Salarial Do Enfermeiro Nos Estados Unidos

Qual o salário médio de um enfermeiro nos EUA?

Os enfermeiros são uns dos profissionais mais bem pagos dos EUA, bem como outras ocupações da área da saúde. Aqueles profissionais que são graduados (que compõem a maioria da classe) têm uma média salarial de enfermeiro nos Estados Unidos de US $73.300 por ano.

Ou seja, aproximadamente US$ 6.108 mensais e US$ 35,00 por hora. Entretanto, é claro que esse valor muda de Estado para Estado, bem como a depender da especialização da clínica.

Há enfermeiros que podem chegar a ganhar mais de US$110 mil, ou seja, um valor bem considerável. Enfermeiros muito específicos de determinadas áreas podem ganhar US$170 mil por ano, ou seja, mais de US$14.000 por mês.

Além disso, o setor apresenta constante crescimento desde 2010, com uma taxa de 1,5% ao ano aproximadamente.

Qual é o salário de um enfermeiro no Brasil?

E, claro, não poderíamos falar da média salarial do enfermeiro nos Estados Unidos sem comentar qual é o salário médio dos mesmos profissionais aqui do Brasil.

De acordo com levantamentos, um enfermeiro recebe, em média, valores de aproximadamente R$ 2.400 até R$ 4.000. A média é de R$ 3.200 por mês e, consequentemente, cerca de R$ 38.400 por ano.

Considerando o dólar com uma cotação de R$ 5,00, o salário médio dos EUA em reais seria de aproximadamente R$ 30.500, ou seja, quase o valor anual que o mesmo profissional recebe no Brasil.

Como pode notar, a discrepância é realmente muito grande entre os dois países, mas esse não é o único ponto que deve ser avaliado.

Jornada de trabalho nos EUA x Brasil

Além da diferença com a média salarial do enfermeiro nos Estados Unidos, a rotina dos enfermeiros também é bem diferente do Brasil.

No Brasil, a carga média de trabalho é de 30 a 40 horas semanais, sendo o período de 36 horas o mais aplicado (isso sem considerar as horas extras). Já nos EUA o período costuma ser de 8 até 12 horas por dia, ou seja, de 40 até 60 horas semanais.

Entretanto, no Brasil os enfermeiros têm a necessidade de fazer muita hora extra por dois principais motivos: o próprio hospital tem essa demanda por falta de pessoal na equipe e (2) para tentar ter um salário que lhe promova melhor qualidade de vida.

Custo de vida nos EUA

Avaliar somente o valor da média salarial do enfermeiro nos Estados Unidos não é o suficiente para analisar a condição profissional que estes funcionários têm nos Estados Unidos, pois é preciso considerar o custo de vida.

De nada adianta ganhar 10 mil dólares por mês, caso o custo de vida básico do lugar seja de 11 mil dólares, certo? Sendo assim, é preciso avaliar com calma todos esses parâmetros.

De acordo com uma pesquisa feita pelo MIT, na qual houve a comparação entre o custo de vida de todos os estados do país, a média do custo de vida varia muito de lugar para lugar.

Isso, na verdade, já era esperado. No Brasil, por exemplo, o custo de vida na grande São Paulo pode ser de 7 mil reais, enquanto no interior de Minas Gerais pode ser de menos da metade desse valor. Ou seja, tudo é relativo.

O Havaí foi o Estado mais caro da pesquisa, com um custo de vida médio anual de US$ 40.412, enquanto Dakota do Sul apresentou o valor de US$ 26.225 apenas.

Considerando que a média salarial do enfermeiro nos Estados Unidos é de US$ 73.300, os profissionais conseguem ter um padrão de vida bem confortável nos Estados Unidos.

Os enfermeiros são profissionais bem valorizados nos EUA, assim como outros profissionais da área da saúde.

Vale a pena ser enfermeiro nos EUA?

Se você considerar o salário médio desse profissional, com certeza vale a pena tentar investir na carreira internacional.

Os desafios não serão poucos, com toda a certeza, mas o padrão de vida proporcionado será bem mais elevado do que muitos profissionais encontram por aqui.

A média salarial do enfermeiro nos Estados Unidos é realmente satisfatória para você viver muito bem nesse país. E aí? Está pensando em tentar a carreira fora do Brasil? A hora pode ser agora! Entra em contato conosco para que possamos te ajudar nesse processo.

PEÇAS-SITE-BRAZILIANIMAGEM-DESTAQUE-14

Quais As Diferentes Categorias E Funções Na Área Da Enfermagem Nos EUA

Se você pensa em exercer a carreira de enfermeiro nos Estados Unidos deve estar por dentro das diferentes categorias e funções na área da enfermagem nos EUA. Afinal, é uma área muito ampla e há opções no mercado.

A área da saúde está sendo muito demandada no solo norte americano e os salários atrativos fazem com que a procura dos estrangeiros formados em enfermagem cresça bastante.

E, de fato, passar um tempo trabalhando nos Estados Unidos não parece uma má ideia, não é mesmo? Se você é formado na área ou está prestes a pegar o seu diploma, que tal conhecer melhor sobre as possibilidades?

Categorias e funções na área da enfermagem nos EUA: conheça o State Board of Nursing

Quando falamos em categorias e funções na área da enfermagem nos EUA não há como fugir do chamado State Board of Nursing. A tradução ao pé da letra é Conselho Estadual de Enfermagem, ficando fácil de compreender seu papel.

É um órgão que possui as mesmas responsabilidades que o COREN (Conselho Regional de Enfermagem) no Brasil, ou seja, regulamentar todos os profissionais de enfermagem.

Além disso, o papel dessas instituições é também fiscalizar aqueles que praticam o exercício da enfermagem.

Uma diferença do órgão americano é que lá as regionais possuem mais autonomia, então cada qual possui os seus critérios para emitir as licenças dos enfermeiros e enfermeiras.

Não são instituições com fins lucrativos, sendo seu objetivo principal organizar e implementar procedimentos para quem trabalha com enfermagem.

Assim como no Brasil, a preocupação é com a saúde pública, bem-estar e segurança dos profissionais.

Dentre os papéis do States Board of Nursing há a classificação das categorias e funções na área da enfermagem nos EUA, as quais você pode conferir nos próximos tópicos.

CNA (Certified Nurse Assistant)

O CNA é a categoria para assistentes de enfermagem e, também, auxiliares de médicos.

É um trabalho mais simples e bem menos técnico, exigindo do profissional tarefas mais básicas como desinfetar e limpar o equipamento de trabalho utilizado pelos enfermeiros ou médicos.

Também fica ao encargo dos assistentes o papel de ajudar os pacientes quanto à alimentação, higiene pessoal e outros cuidados.

Então, comparando com o Brasil, é uma profissão muito similar ao auxiliar de enfermagem. Obviamente, este profissional ganha menos do que médicos e enfermeiras.

LPN (Licenced Practice Nurse)

Já o Licenced Practice Nurse é uma categoria que pode exercer funções mais complexas no que tange às técnicas de enfermagem.

Este profissional pode, por exemplo, administrar medicamentos, realizar primeiros socorros e até mesmo análise laboratorial.

Uma função bem semelhante aqui no Brasil são os Técnicos em Enfermagem, profissão bem comum no país.

RN (Registered Nurse)

Agora, o profissional que é classificado como Registered Nurse é aquele que efetivamente possui o registro de enfermeiro.

Há a necessidade de um diploma com o título de Bacharel em Enfermagem, além de diversas certificações para poder trabalhar nas áreas dos hospitais e clínicas.

Esses profissionais podem tomar conta dos pacientes na UTI (Unidade de Terapia Intensiva), auxiliar os médicos durante a cirurgia e muito mais.

Dentre as categorias e funções na área da enfermagem nos EUA esta é, com certeza, a que possui maior média salarial no mercado. Mas, claro, também é a profissão que exige maior estudo e experiência.

Nos Estados Unidos, como já falado anteriormente, a demanda pela área de enfermagem tem crescido muito (principalmente por conta da Covid-19), então o mercado está bem aquecido e os salários se apresentam cada vez mais interessantes.

Funções Na Área Da Enfermagem: Vale a pena trabalhar nos EUA?

A essa altura do campeonato talvez você esteja se perguntando se é efetivamente interessante a ideia de mudar de país para trabalhar como enfermeiro.

De fato, os benefícios são muito grandes, ficando os pontos negativos mais voltados para a saudade do Brasil e das pessoas queridas.

Afinal, os profissionais da saúde são mais valorizados nos EUA (moralmente e economicamente falando), então a sua qualidade de vida muito provavelmente será melhor.

Além disso, a troca de experiência com profissionais de outros países é algo que irá deixar a sua trajetória na enfermagem muito enriquecida. Se um dia desejar trabalhar no Brasil, você com certeza irá se destacar da concorrência.

Avalie em qual das categorias e funções na área da enfermagem nos EUA você poderia atuar e já comece a bolar o seu plano para novas experiências.

Haverá, sim, certa burocracia para que você consiga trabalhar nos Estados Unidos legalmente, mas com um pouco de paciência e seguindo as instruções adequadas você estará devidamente habilitado em pouco tempo.

Lembrando que com novos cursos e afins você pode ir “subindo” entre as categorias e funções na área da enfermagem nos EUA e fazer toda a sua carreira no país.

Centros Internacionais de Testes NCLEX

Centros Internacionais de Testes NCLEX

Uma pergunta muito frequente que recebemos é: Onde posso fazer o NCLEX fora dos Estados Unidos? Com isso listamos abaixo os países onde podem ser realizado a prova do NCLEX.

Lembrando que o agendamento do NCLEX só pode ser feito após a ATT (Authorization to Test) emitido pelo Board of Nursing.

ASIA

Hong Kong

Pearson Professional Centers-Hong Kong
Grand Millenium Plaza, 181 Queens Road, Central, Hong Kong
Telephone: +91 85221678568

Pearson Professional Centers-Hong Kong
Unit B, 18th Floor, China Overseas Building, No. 139 Hennessy Road, Wanchai, Hong Kong
Telephone: +91 85221678568

Japan

Pearson Professional Centers-Osaka, Japan
12F Osaka Dai-Ichi Seimei Bldg, 1-8-17 Umeda, Kita-ku, Osaka-shi, Osaka 530-0001
Telephone: 81-661363680

South Korea

Pearson Professional Centers-Seoul, South Korea
6F The Exchange Seoul, 21 Mugyo-ro, Jung-gu, 04520
Telephone: +82-82-2-755-7801

India

Pearson Professional Centers-Bangalore
Trade Center, Dickenson Road, Next to Maniple Centre, Bangalore, KAR 560042
Telephone: +91-80-41134165

Pearson Professional Centers-Chennai
Gee Gee Emerald Building, 151,Village Road, Nungambakkam, Chennai, TAM 600034
Telephone: +91-44-43021101

Pearson Professional Centers-Hyderabad
202,ABK Olbee Plaza, Road No.1,Banjara Hills, Hyderabad, AND 500034
Telephone: +91-40-66469825

Pearson Vue Professional Centers-New Delhi
Yousuf Sarai Community Centre, Above Hyundai Show room, New Delhi, DEL 110016
Telephone: +91-11-41841472

Pearson Professional Centers-Mumbai
Solitaire Corporate Park,167 Andheri, J B Nagar Link Rd, Chakala, Andheri,
Mumbai, MAH 400093
Telephone: +91-22-40056787

Philippines

Pearson Professional Centers-Manila
Trident Tower, 313 Senator Gil Puyat Avenue, Makati City, Manila, 1327
Telephone: +63 2 887 2198

Taiwan

Pearson Professional Centers-Taipei
No 163 Sec 1, 13 F-3, Keelung Road, Union Century Building, Taipei
Telephone: +886 2 2756 780

Turkey

Pearson Professional Centers – Istanbul, Turkey
Süleyman Seba Cad. No 48
BJK PLaza, A Blok, Kat 1, D:3
Akaretler, Besiktas
34357 Istanbul, Turkiye
Telephone: +90-212 227 4937

Israel

Pearson Professional Centers-Tel Aviv, Israel
2 Derech Ben Gurion
BSR Building 1. 9th floor
5257334 Ramat Gan
Israel
Telephone: +972-3-6133664

AFRICA

South Africa

Pearson Professional Centers – Johannesburg
Sandton City – Office Tower, 83 Rivonia Road, Sandhurst, Sandton, Johannesburg, 2146
Telephone: 011 784 3093

EUROPE

United Kingdom

Pearson Professional Centers-London
190 High Holborn, London, WC1V 7BH,
+08007314359

Germany

Pearson Professional Centers-Frankfurt
62 Bettinastrasse, 4th floor, Frankfurt, 60325
Telephone: +49 69- 7409 3624

NORTH AMERICA

Canada

Pearson Professional Centers – British Columbia
4190 Lougheed Hwy, Suite 103, Burnaby, BC V5C 6A8
Telephone: 604-678-2636

Pearson Professional Centres – Montreal

7705 17th Avenue, Montreal, QC H2A 2S4

514-727-6006

Mexico

Pearson Professional Centers-Mexico
Atlacomulco 500, Industrial Atoto, Naucalpan, Estado de Mexico 53519
Telephone: +55.5359.8106

Puerto Rico

Pearson Professional Centers-San Juan
273 Ponce de Leon Avenue, Plaza Scotiabank, Suite 501, San Juan,00917
Telephone: +787-641-9632

SOUTH AMERICA

Brazil

Pearson Professional Centers-Sao Paulo, Brazil
Rua Helena, 260 – sala 33 – 3º. Andar, Edificio Atrium IV, Vila Olimpia, Sao Paulo Sao Paulo 04552-050
Telephone: 55 11 3841-9333

OCEANIA

American Samoa

Pearson Professional Centers-Pago Pago AS
Pago Plaza, PO Box AC, Suite 222, Pago Pago 96799
Telephone: 011-684-633-7873

Australia

Pearson Professional Centers-Sydney, Australia
Level 6, 287 Elizabeth Street, Sydney, New South Wales 2000
Telephone: 612 9467 6602

Guam

Pearson Professional Centers-Tamuning GU
267 South Marine Drive, Ste 2E, Tamuning 96913
Telephone: +671-649-2286

Mariana Islands

Pearson Professional Centers-Saipan MP
Del Sol Building, Suite 102, P.O. Box 505140, Saipan 96950
Telephone: 670-233-0216

PEÇAS-SITE-BRAZILIANIMAGEM-DESTAQUE-12

Quais Os Locais Onde Um Enfermeiro Nos EUA Pode Atuar

Muitos se perguntam quais são os locais onde um enfermeiro nos EUA pode atuar, pois, exercer a profissão nos Estados Unidos é algo que chama cada vez mais a atenção desses profissionais.

O motivo é claro: o país está apresentando alta demanda desses profissionais e os nativos não estão conseguindo suprir toda essa necessidade. Sendo assim, o mercado se abre mais para profissionais estrangeiros.

Além de muitas oportunidades no país, também há a valorização da média salarial para os profissionais da saúde. De modo geral a qualidade de vida nos EUA já é melhor, considerando o aumento no salário fica ainda melhor!

Principais locais onde um enfermeiro nos EUA pode atuar

Mas, claro, para tudo na vida existe a necessidade de um plano, então você precisa saber em quais locais onde um enfermeiro nos EUA pode atuar.

De modo geral, aqueles que possuem experiência e especialização podem atuar em qualquer área, assim como no Brasil. Alguns setores que você pode atuar estão listados a seguir:

Unidade de Terapia Intensiva (adulto e pediátrico)

O papel do profissional na UTI é coletar as informações do paciente, realizar exames físicos, ensinar os procedimentos, orientar os enfermos e dar continuidade nas medidas encaminhadas pelos médicos.

O enfermeiro irá cuidar de pacientes em estado mais crítico, sendo uma das ocupações mais delicadas dentro do ambiente hospitalar.

Centro Cirúrgico

Você também poderá atuar no Centro Cirúrgico do hospital durante a cirurgia ao auxiliar o médico e, também, depois do procedimento ajudando o próprio paciente na recuperação.

Antes da cirurgia, o enfermeiro também é responsável pelo preparo do paciente antes de ir para a sala de cirurgia.

Diálise

Neste caso, a responsabilidade do profissional é monitorar e identificar os efeitos da hemodiálise, bem como as complicações provenientes da própria doença.

Irá acompanhar o paciente durante o tratamento e ajudá-lo com informações sobre tratamento e prevenção.

Psiquiatria

Outro dos locais onde um enfermeiro nos EUA pode atuar é na ala de psiquiatria do hospital.

A enfermagem atua muito na área da supervisão ao paciente, mas, também, dá suporte emocional aos internados. Além disso, administra os remédios.

Hemodinâmica

Nos laboratórios de Hemodinâmica o papel do enfermeiro é ajudar o paciente no pré e no pós-procedimentos, bem como ajudar a equipe a gerenciar os materiais.

Obstetrícia

Os enfermeiros também podem atuar no departamento de obstetrícia dando todo o suporte para os pacientes. Além de ajudar nos procedimentos, atua na parte psicológica da grávida dando suporte emocional.

Pediatria

O setor pediátrico é um dos locais onde um enfermeiro nos EUA pode atuar como apoio às crianças.

Como conseguir trabalhar nos EUA como enfermeiro

Como você pôde notar, há várias áreas de atuação que você pode escolher. Mas como é possível trabalhar nos EUA devidamente legalizado? Veja quais são os principais passo:

  1. Validar o Diploma

Este é o primeiro passo para conseguir exercer a profissão fora do país. A validação é feita em órgãos específicos dos EUA.

  1. Proficiência no Inglês

Você vai precisar provar que o seu nível de inglês é suficiente para trabalhar com enfermagem. Para isso será exigido exames como IELTS ou TOEFL. O seu nível de inglês também será exigido em um teste futuro.

  1. Inscrição no State Board of Nursing

O States Board of Nursing é uma instituição semelhante ao COREN (Conselho Regional de Enfermagem) aqui no Brasil. Ele é responsável por regulamentar e fiscalizar os enfermeiros do país.

  1. NCLEX

Você vai precisar de uma licença do Estado do EUA e para consegui-la é necessário passar no exame NCLEX, uma prova de conhecimentos gerais sobre enfermagem.

  1. VisaScreen

Para que você consiga efetivamente trabalhar de enfermeiro nos Estados Unidos será preciso atender alguns requisitos e, dentre eles, o nível de inglês (aqui será testado o seu inglês novamente).

  1. Sponsor

Antes de conseguir o visto de trabalho você precisará encontrar um Sponsor, ou seja, alguém que se responsabilize por você. Para isso é necessário contatar uma agência de recrutamento ou advogados especializados no assunto.

O sponsor será o seu futuro empregador é ele quem irá se responsabilizar por você no país.

Tudo isso é uma visão bem simplista de todos os trâmites que você deverá fazer para conseguir trabalhar em um dos locais onde um enfermeiro nos EUA pode atuar.

Locais Onde Um Enfermeiro Nos EUA pode atuar: Vale a pena?

Você deve ter notado que é um processo um tanto quanto burocrático para começar a trabalhar nos EUA. Será que vale a pena todo esse esforço?

Caso você seja uma pessoa que gosta de passar por novas experiências, está em busca de melhor qualidade de vida e quer investir em sua carreira, com certeza tudo isso vale a pena.

Agora só resta decidir qual dos locais onde um enfermeiro nos EUA pode atuar você prefere trabalhar para, então, começar com a documentação necessária.

PEÇAS-SITE-BRAZILIANIMAGEM-DESTAQUE-03

Quais Os Melhores Estados Nos EUA Para Se Trabalhar Com Enfermagem

Já pensou em trabalhar como enfermeira fora do país? Pois esse é o plano de muitos e é uma ideia que vem ficando cada vez mais popular. Quer saber quais os melhores estados nos EUA para se trabalhar com enfermagem?

A demanda de enfermeiros e enfermeiras nos Estados Unidos só cresce, abrindo uma grande oportunidade para quem sabe se comunicar em inglês e está devidamente regulamentado como enfermeiro.

Se você se interessou pela ideia, veja quais são os melhores estados para encontrar oportunidades. Descubra, também, como validar o seu diploma e quais são os principais benefícios de trabalhar fora.

stados Nos EUA Para Se Trabalhar Com Enfermagem

Quais são os melhores estados nos EUA para se trabalhar como enfermagem

Os melhores estados nos EUA para se trabalhar com enfermagem em questões profissionais são aqueles que possuem maiores oportunidades de emprego.

Felizmente, esse mercado cresce cada vez mais, principalmente nos Estados Unidos. De acordo com um levantamento feito pelo Bureau of Labor Statistics, haverá uma demanda crescente de 16% por esses profissionais até 2024.

Serão criadas mais 439.300 novas vagas de enfermagem no país (e você pode ocupar uma delas!).

Em relação aos estados, os que mais demandam de mão de obra são bem variados, sendo as melhores opções:

  • Virginia
  • North Carolina
  • Ohio
  • Georgia
  • California
  • Texas
  • Kansas
  • Kentucky
  • Wisconsin
  • Illinois
  • Flórida
  • Dakota do Norte
  • Maine

É claro que isso é um ranking baseado nas oportunidades, mas você pode escolher de acordo com a sua vontade de morar em determinado local. Há estados que possuem menos vagas, mas nada impede de tentar.

Na hora de escolher o local para se candidatar, faça uma boa pesquisa sobre o estado e a cidade. Veja se o clima e a cultura do local vão colaborar para que a sua experiência seja a melhor possível.

Os salários também mudam muito de estado para estado, mas normalmente é um valor condizente com o custo de vida no local. Escolhendo um dos estados nos EUA para se trabalhar com enfermagem será possível ter boa qualidade de vida.

Como validar o seu diploma

Agora que você já conhece os principais estados nos EUA para se trabalhar com enfermagem, que tal ficar por dentro de como validar o seu diploma para conseguir trabalhar no país?

O primeiro passo é a validação, a qual pode ser feita por algumas empresas dos Estados Unidos, como:

Todas essas agências solicitam os documentos básicos para realizar os trâmites, mas podem requerer informações adicionais para fazer a devida validação.

A CGFNS (o primeiro link da lista) é uma das mais conhecidas e sua validação é aceita na maioria dos estados dos EUA. Seguindo ela como exemplo, os documentos requisitados são:

  • Diploma de Enfermagem
  • Registro no COREN (Conselho Regional de Enfermagem)
  • Nota do IELTS (7.0 Speaking / 6.5 demais categorias) ou TOEFL (83 overall e 26 Speaking) – estas são provas de inglês necessárias

Caso você pretenda ir para Virginia, Wisconsin, Michigan, Colorado, Arkansas, Iowa, Ner Jersey ou Missouri será obrigatório o teste de inglês ao vivo, ou seja, no momento de aplicação do CGFNS.

Lembrando que esses são os pré-requisitos mínimos para você conseguir ir para um dos estados nos EUA para se trabalhar com enfermagem. Sendo assim, se você não tiver algum desses em mãos, saiba que não será possível.

Quais são os benefícios

Será que realmente vale a pena ir para algum dos estados nos EUA para se trabalhar com enfermagem? Não deixa de ser uma oportunidade bem interessante, pois existem vários benefícios:

  • Ganhar em dólar, uma das moedas mais valorizadas do mundo
  • Conhecer novos lugares
  • Maior experiência profissional
  • Ter maior qualidade de vida
  • Maior poder de compra
  • Conhecer uma nova cultura
  • Renovar o seu ciclo social
  • Destacar-se dentre outros profissionais caso deseje voltar a ser enfermeira no Brasil

É sempre válido buscar novas experiências, principalmente quando é no ramo profissional. Além de tudo isso, os enfermeiros nos EUA têm maior valorização no Brasil, incluindo salário.

Então, se você quer crescer profissionalmente e deseja maior qualidade de vida, talvez essa possa ser uma alternativa. O primeiro passo é começar a pensar a respeito da documentação.

E lembre-se de pesquisar sobre vagas nos estados nos EUA para se trabalhar com enfermagem. Avalie a cidade antes de escolher e, depois, comece com a parte burocrática.

O Que É O Que Faz Um Nurse Practitioner

Como Funciona O Trabalho De Um Travel Nurse Nos EUA

Você já ouviu falar da possibilidade de trabalhar como um Travel Nurse nos EUA? Se você possui diploma em enfermagem ou até mesmo está para concluir o seu curso, esta pode ser uma ótima ideia para você.

A área da saúde é extremamente valorizada nos Estados Unidos, mas não são somente os médicos que ganham bem. Os enfermeiros também possuem um salário atraente na categoria.

Por conta disso e mais diversos motivos, a procura por um trabalho nos EUA cresce a cada dia. Dentre as possibilidades há a função de Travel Nurse, a qual você entenderá como funciona a seguir.

ravel Nurse Nos EUA

O que é e como funciona o trabalho de Travel Nurse nos EUA

O Travel Nurse nos EUA já é dito muito pelo próprio nome. A tradução para Travel Nurse é Enfermeiro Viajante.

Esses profissionais trabalham de uma maneira um pouco diferente dos enfermeiros “convencionais”. Primeiramente, os contratos costumam ser bem curtos (13 semanas em média).

Hospitais, clínicas ou qualquer outro estabelecimento de saúde pode optar por essa modalidade de serviço. O objetivo desses profissionais é atender demandas pontuais ou sazonais.

Por exemplo, no inverno há maior procura dos hospitais por conta da gripe. Sendo assim, os gerentes podem optar pela contratação de um Travel Nurse apenas por esse período.

O Travel Nurse nos EUA é contratado por agências recrutadoras de enfermeiros. Ou seja, não é uma contratação feita diretamente pelo hospital ou clínica.

A agência, inclusive, pode oferecer oportunidades em outros países além dos EUA, como Austrália, Nova Zelândia ou alguma opção no Oriente Médio.

Esta modalidade cresceu muito nos últimos tempos por conta da pandemia, visto que os EUA não possui um sistema de saúde tão robusto quanto o Brasil.

A alta demanda do mercado fez com que os enfermeiros ganhassem ainda mais pelas horas trabalhadas, podendo chegar até U$ 8000 por semana. É realmente um salário considerável e bem atrativo.

Então, resumindo: você terá contratos pontuais e irá mudando de cidade para cidade de acordo com a demanda do mercado.

Quais são as vantagens de se trabalhar com Travel Nurse nos EUA

Além do salário extremamente interessante de Travel Nurse nos EUA, há ainda outras vantagens para se aventurar nesta modalidade de trabalho:

  • Maior experiência profissional

Cada nova clínica ou hospital você terá contato com profissionais e equipamentos diferentes. Durante todo o contrato será uma experiência rica em informações e isso lhe dará grande vantagem competitiva no mercado.

  • Moradia oferecida pela agência

A maioria das agências é quem oferece a moradia para você ficar na cidade pelo tempo de contrato.

  • Conhecer diversos lugares

Se você é daquela pessoa que ama viajar e conhecer cada cantinho do mundo, com certeza você irá aproveitar muito essas viagens.

  • Ajudar pessoas carentes

Em várias contratações você terá contato com comunidades mais carentes e poderá ajudar dezenas de pessoas. É um trabalho gratificante e cheio de experiência.

  • Flexibilidade

A depender da disponibilidade e demanda no mercado você poderá escolher qual local deseja trabalhar.

Pontos de atenção sobre Travel Nurse

Antes de tomar a decisão de trabalhar como um Travel Nurse nos EUA é importante ficar por dentro de alguns pontos.

Primeiramente, há mudanças no pacote de pagamento. Sendo assim, o seu salário poderá mudar de contrato para o outro.

Além disso, o hospital ou clínica está apto a cancelar o contrato a qualquer tempo. Isso pode acontecer se ocorrer uma grande redução de pacientes. Nesses casos, não faz mais sentido manter uma equipe extra.

Outro ponto de extrema importância é que para você se tornar um Travel Nurse é preciso ter 1 ano de experiência clínica nos Estados Unidos. Sendo assim, você precisa começar com um modelo convencional de trabalho.

Uma recomendação importante é você pesquisar bastante sobre a agência a qual pretende se filiar. Converse com outros enfermeiros e enfermeiras e veja como funciona o suporte e a demanda.

Vale a pena ser Travel Nurse?

A área de saúde nos Estados Unidos está demandando muitos profissionais e o próprio país não consegue suprir essa necessidade. É realmente um momento muito promissor para os enfermeiros.

Além de toda a experiência profissional que irá encher o seu currículo, o salário também irá lhe proporcionar ótima qualidade de vida no país (muitas vezes, bem maior do que você teria aqui no Brasil).

É um processo relativamente burocrático poder trabalhar nos EUA, mas seguindo todos os passos é possível conseguir as devidas autorizações e, assim, começar a sua carreira no exterior.

Não deixa de ser uma grande chance para todos, mesmo aqueles que pretendem ficar por pouco tempo.

E aí, se interessou pelo trabalho de Travel Nurse nos EUA? Comece a organizar a documentação para conseguir o visto de trabalho.

Quais autonomias de um enfermeiro

Quais Autonomias Um Enfermeiro Tem Nos EUA

Caso você esteja pensando em começar uma carreira em enfermagem nas terras americanas é fundamental conhecer melhor a respeito das autonomias um enfermeiro tem nos Estados Unidos.

Este é um assunto cada vez mais abordado, visto que os Estados Unidos estão com alta demanda para os profissionais da saúde (isso, inclusive, já vem antes da pandemia proporcionada pelo Covid-19).

Os salários atrativos e a qualidade de vida oferecida aos estrangeiros são alguns dos motivos que influenciam os brasileiros a buscar mais informações sobre essa possibilidade na carreira. Entenda melhor sobre essa proposta.

Autonomias Um Enfermeiro Tem Nos EUA

Autonomias um enfermeiro tem nos EUA: entenda mais sobre a profissão

Antes de falar sobre as autonomias um enfermeiro tem nos EUA, ou seja, as responsabilidades deste profissional no exercício das atividades, que tal entender como é possível se trabalhar com enfermagem fora do país?

Se você tem esse desejo, fique ciente de que há a necessidade da graduação em enfermagem. Tendo o diploma em mãos é possível validá-lo para conseguir atuar em outros países.

Essa validação é feita em algumas instituições credenciadas para tal. Além disso, você deve ter o conhecimento na língua inglesa, mas o mesmo deve ser comprovado através de exames específicos (como o TOEFL).

Entretanto, esse é apenas o começo da sua jornada para se encontrar devidamente habilitado ao trabalho. Terá que passar por provas de conhecimento em enfermagem para comprovar que está apto a exercer a profissão.

Ao decorrer desse processo você terá que encontrar uma espécie de agência de empregos nos EUA, a qual será considerada o seu sponsor, ou seja, responsável por você nos Estados Unidos.

Esse é o caminho para você conseguir o Visto de Trabalho do solo norte americano e, então, trabalhar lá sem nenhum problema.

É claro que todos esses passos foram dados de uma forma bem simplista para que você tenha ideia de como é o processo, mas há artigos mais detalhados que você pode aprender a cada passo desta jornada.

Autonomias Um Enfermeiro Tem Nos EUA: Quais são as atribuições

Enfim, vamos para as autonomias um enfermeiro tem nos EUA. Afinal, quais serão as suas responsabilidades? O que você poderá ou não fazer como enfermeiro? Veja algumas das atribuições a seguir:

Vestir

Muitos pacientes não conseguem se vestir, pelos mais diferentes motivos. Os enfermeiros dão todo esse apoio para os pacientes.

Alimentar

O mesmo vale para a alimentação. É papel do enfermeiro promover uma alimentação saudável e na medida certa para o paciente.

Cuidados Básicos

Os cuidados básicos, que variam a depender do quadro clínico da pessoa, também ficam ao encargo do enfermeiro.

Educar

É importantíssimo que o enfermeiro eduque os pacientes, ensinando os hábitos e procedimentos para restabelecer a saúde.

Preparar o paciente antes e depois do procedimento

Dentre as autonomias um enfermeiro tem nos EUA está o preparo do paciente antes e depois de um procedimento médico.

Auxiliar durante a cirurgia

Os enfermeiros também podem auxiliar os médicos durante as cirurgias, por exemplo.

Suporte mental

Esses profissionais têm um papel importantíssimo no suporte mental do paciente. A ajuda que os enfermeiros promovem nos momentos de delicadeza são fundamentais no processo de cura. 

Autonomias Um Enfermeiro: As atribuições dependem da especialidade de cada profissional

Essas são apenas algumas das possibilidades de autonomias um enfermeiro tem nos EUA. Entretanto, isso irá variar muito de acordo com a sua especialização.

Enfermeiros que possuem anos de experiência, cursos especializados e até mesmo um mestrado ou doutorado podem atuar de forma mais ampla no hospital.

Quanto maior for o conhecimento e especificação do profissional, maiores serão as suas atribuições e responsabilidades. Isso, obviamente, influencia no salário do profissional.

Quanto mais técnico e delicado for o trabalho, maior é o salário do enfermeiro. Nos EUA essa profissão é bem valorizada nas clínicas e hospitais.

Autonomias Um Enfermeiro Tem Nos EUA: Vale a pena trabalhar como enfermeiro nos EUA?

Talvez você esteja se perguntando se efetivamente vale a pena trabalhar nos EUA como enfermeiro…

Como você pode notar, as autonomias um enfermeiro tem nos EUA não se diferem do Brasil. Entretanto, a experiência profissional que você terá em outro país será muito diversificada.

Você terá muito espaço para crescer como profissional e passar por todas essas novas experiências será excelente para a sua formação como enfermeiro.

Além do mais, um enfermeiro especializado pode chegar a ganhar mais de US$100 mil por ano (valor considerável nos EUA, possibilitando padrão de vida bem confortável).

Se você é uma pessoa que busca experiências enriquecedoras e já tem o seu diploma de enfermagem na mão – ou está prestes a se formar – toda a ideia de trabalhar fora deve ser considerada seriamente.

É claro, todos os trâmites até que você consiga exercer as autonomias um enfermeiro tem nos EUA não são tão simples, mas com organização, capacitação e um pouco de paciência é possível atuar nos Estados Unidos.

Tecnico de Enfermagem Estados Unidos

Como Trabalhar Como Técnico De Enfermagem Nos EUA

Trabalhar como técnico de enfermagem nos EUA é uma das possibilidades para quem está em busca de uma oportunidade ou quer iniciar uma nova carreira fora do país. Além de novas experiências profissionais, os salários na área da saúde são bem atrativos.

Não é difícil encontrarmos pessoas que desejam trabalhar fora do Brasil, pelos mais diversos motivos. Mas, infelizmente se você já técnico de enfermagem no Brasil, não é possível validar o diploma de técnico de enfermagem do Brasil nos Estados Unidos. Mas você poderá fazer um curso nos Estados Unidos e poder atuar na área.

Entenda melhor sobre o assunto neste artigo.

O que é um técnico de enfermagem nos EUA

O técnico de enfermagem nos EUA é o chamado Licensed Practical Nurse, ou apenas LPN. O profissional trabalha com a supervisão dos médicos e está sob sua responsabilidade:

  • Coletar informações do paciente
  • Tomar sinais vitais
  • Coletar amostras
  • Administrar medicamentos
  • Relatar o status do paciente aos enfermeiros
  • Garantir o conforto do paciente
  • Ajudar os enfermeiros nos cuidados gerais
  • Garantir a segurança do paciente
  • Dentre outras atribuições

Como se tornar um Técnico de Enfermagem

Para que você possa se tornar um técnico de enfermagem nos EUA há a necessidade de realizar um curso/programa aprovado pelo Estado, o qual normalmente tem a duração de 1 ano até 1 ano e 6 meses.

Terminado o curso será preciso realizar o NCLEX, que é o Exame de Licenciamento do Conselho Nacional feito através do Conselho Nacional de Conselhos Estaduais de Enfermagem, que é chamado de Board of Nursing.

Além disso, você também precisará provar a sua fluência em inglês através de provas específicas, como o TOEFL ou IELTS. Para poder exercer a profissão nos EUA é imprescindível ter um inglês avançado e atingir a pontuação mínima exigida do teste de proficiência.

SAIBA MAIS: Como Fazer Faculdade de Enfermagem nos Estados Unidos

Quanto ganha um técnico de enfermagem?

Este é um questionamento muito comum entre todos aqueles que pensam em trabalhar fora do Brasil. De modo geral, a média salarial de um técnico de enfermagem é de US$ 14,00 a hora.

Entretanto, o valor pode variar de US$ 12,00 até R$17,00 por hora. O salário fica em torno de US$ 2300,00 + benefícios que a instituição irá promover.

E, claro, sempre há a opção de fazer algumas horas extras para aumentar o seu salário no final do mês.

O técnico de enfermagem nos EUA tem essa média salarial, mas o valor também depende muito de estado para estado. Se você está em busca dos locais que pagam melhor, normalmente são eles:

  • Colorado
  • Philadelphia
  • Chicago
  • Kentucky

A média salarial do estado do Missouri e Flórida não são das melhores, mas ainda proporciona boas condições de vida.

O que avaliar

Você não deve olhar somente o valor do salário de técnico de enfermagem nos EUA, é preciso considerar os benefícios, horas trabalhadas e todos os outros detalhes de sua jornada.

Além disso, também é fundamental que você avalie qual é o custo de vida do Estado e, mais precisamente, da cidade que pretende morar.

Muitas vezes o salário pode enganar. O valor aparenta ser alto, mas considerando o custo de vida da região pode acabar não se tornando a opção mais vantajosa do mercado.

Também não se esqueça de procurar um pouco a respeito da região para saber se, de fato, é um local que você gostaria de morar.

Mas, de forma geral, os técnicos em enfermagem têm um salário interessante e terão um padrão de vida mais elevado do que no Brasil. É, sem dúvida, uma escolha bem vantajosa para a maioria das pessoas que desejam trabalhar fora.

Quais os benefícios de trabalhar nos EUA

Se você está com dúvidas a respeito de trabalhar ou não como técnico de enfermagem nos EUA, veja alguns pontos a serem considerados:

  • Valorização da profissão
  • Maiores salários
  • Maior qualidade de vida
  • Hospitais mais estruturados e com mais recursos
  • Aprimoramento do inglês
  • Contato com nova cultura
  • Oportunidade de conhecer diversos lugares
  • Maior independência financeira
  • Oportunidade de trabalhar em diferentes áreas do hospital

SAIBA MAIS: Lista de Recrutadores de Enfermeiros nos EUA

Quando pensamos nas desvantagens de exercer a enfermagem nos EUA, os pontos negativos ficam mais atrelados à questão da língua, adaptação de nova cultura e distanciamento familiar. Sem contar o custo de realizar o curso de técnico de enfermagem nos Estados Unidos.

Entretanto, com um bom planejamento financeiro e familiar, é possível sim realizar esse sonho. Mas para isso, você precisa entrar em contato com uma Universidade que possua o curso de técnico de enfermagem e ver os requisitos para aplicação. Depois, basta organizar as malas e partir!